sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

Santiago do Chile

Santiago é a capital e a maior cidade do Chile. Possui diversos parques, museus, igrejas e uma intensa vida noturna.

Visitamos Santiago por 11 dias durante o inverno e percorremos os principais pontos da cidade.

Santiago é sem dúvida uma bela cidade. Pode-se avistar a imponente Cordilheira dos Andes de diferentes pontos. No inverno a vista fica ainda mais bonita pelo gelo que se acumula na montanha.

Quando se chega de avião, se tem uma marilhosa visão da Cordilheira dos Andes:


Os chilenos são simpáticos com os brsileiros. Assim, quando estiver perdido, não deixe de pedir informações, mesmo arranhando um portunhol eles tentam ajudar.
Os motoristas respeitam os pedestres. Durante nossa estada, era só colocar o pé na faixa que os carros paravam...

Neste post, apresento algumas dicas de Santiago.

Onde ficar

Santiago possui diversas opções de hospedagem, espalhadas por diferentes pontos da cidade. Ficamos em um hotel no bairro Providencia, que é um bairro residencial de classe alta, próximo ao centro, a bons restaurantes e lojas. Gostamos de ficar neste bairro, pois era fácil para ir ao centro (dava até para ir a pé) e perto da estação do metrô.
Em Las Condes também existem boas opções de hospedagem, mas é distante do centro e dependendo do ponto não tem estação do metrô próxima.

Transporte

Durante nossa estada em Santiago, utilizamos o transporte público, que é bastante eficiente. O metrô é limpo, pontual e rápido. Dificilmente é preciso esperar mais do que alguns minutos. Os ônibus também atendem bem. Mas prefira o metrô, que chega em diversos pontos e atrações turísticas.
Para o metrô, é possível comprar um cartão e colocar crédito, para ir debitando conforme se utiliza. Para os ônibus, utilizamos dinheiro mesmo.
Dependendo de onde se deseja ir, pode ser necessário tomar um taxi. Você pode solicitá-los no hotel ou procurá-los na rua.
Outra opção seria alugar um carro. Não dirigimos em Santiago, mas o trânsito não parece ser muito ruim e ser fácil de chegar nos lugares.

Compras

Na época que fomos (final de julho - início de agosto), encontramos excelentes ofertas de roupas nas principais lojas de Santiago: Paris, Ripley e Falabella. Achamos os preços de eletrônicos menores que no Brasil.
Existem diversas lojas nas ruas, principalmente no centro e na Providencia.
Santiago possui diversos shoppings, como: Parque Arauco (este é completo: tem diversas lojas, as principais âncoras, boa praça de alimentação, cinemas, patinação no gelo...) e o Alto Las Condes.

Principais Pontos e Atrações Turísticas

Há muito o que ver e fazer em Santiago. Se estiver no inverno, ou ainda tiver neve, vale uma visita as estações de esqui (ski).

Estações de Esqui

Existem três boas estações de esqui próximas a Santiago: o Valle Nevado, o Cerro El Colorado e o La Parva. A estação mais famosa e bem estruturada é o Valle Nevado. No Cerro El Colorado os preços tendem a ser mais baixos, tanto para aluguel de equipamentos como para aulas.
O acesso a estas estações se dá por uma belíssima mais sinuosa estrada. A vista enquanto se sobe é maravilhosa.
Você pode subir de taxi ou de vans. Próximo a estação do metrô Escola Militar, estão algumas agências das operadoras que alugam equipamentos e oferecem transporte. É uma boa opção para quem não vai ficar hospedado por lá, que deseja ir apenas para passar o dia. As vans saem pela manhã e retornam ao final do dia.
Fomos de van e passamos o dia na montanha, onde alugamos equipamento e fizemos aula. Se você nunca esquiou prepare-se para cair! Cuidado para não derrubar outras pessoas enquanto você estiver sem controle descendo (ou rolando) a montanha.
Mesmo que não esteja sentindo muito frio em Santigo, vá agasalhado para a montanha, pois lá em cima faz muito frio, mesmo com sol.



Vinícola Conha y Toro

Esta famosa vinícola oferece visitas guiadas (verifique o preço no site da vinícola e faça o agendamento com antecedência). Na visita você poderá conhecer as instalações, a plantação de uva (se não estiver na época, você só verá as plantas secas...), o porão onde ficam armazenados os vinhos, ouvir a famosa lenda do famoso vinho Casillero del Diablo e degustar dois ou quatro vinhos, dependendo do tour reservado. Você leva a taça que usar na degustação de brinde. Lá também tem uma loja que vende os vinhos deles.
Dá pra ir por conta própria ou contrando o passeio com agências. É um pouco longe do centro de Santiago.
Como chegar na vinícola Concha y Toro utilizando o transporte público: pegue a linha Azul do metrô e desça na estação Las Mercedes. Do centro dá mais ou menos 1 hora de viagem. Na estação, você pode pegar um taxi (5 minutos de corrida) até ou então um ônibus (metrôbus 71, 73, 83 ou 84, a viagem dura cerca de 15 minutos) e descer em frente a vinícola Concha y Toro.
A vinícola funciona todos os dias, mas é preciso reservar com antecedência pelo telefone (56-2476-5269) ou pelo site (www.conhaytoro.com)


Centro

Uma caminhada pelo centro é bastante agradável. É possível visitar o Paláio de La Moneda, a Plaza de Armas, o Passeo Ahumada (rua cheia de lojas), o Mercado Central (boa opção para quem gosta de frutos do mar), o Museo de Bellas Artes... Tem também muitas lojas...


Cerro Santa Lucia

É uma colina localizada na região central de Santiago. É possível subir no topo durante o dia, através de caminhos e escadas sinalizadas. Oferece uma bela visão da cidade e da Cordilheira dos Andes. Vale a subida. Passe algunas minutos apreciando a imponência da Cordilheira.


Cerro San Cristóbal

É belo parque urbano, que tem no topo uma estátua de 14 metros da Imaculada Conceição. Para chegar ao topo, você pode subir de bonde (pela Calle Pio Nono), ou de teleférico (pela Pedro de Valdivia) ou caminhar muito. Subimos de bonde e depois pegamos teleférico para percorrer o parque, que é muito bonito. O cerro tem diversos mirantes que oferecem excelentes visões de Santiago e da Cordilheira dos Andes. O pôr-do-sol é muito bonito visto de lá de cima.


Parque Metropolitano

Localiza-se na região central, sendo bem arborizado, rendendo belas fotos. Bom para caminhar.


Bairro Bella Vista

É a parte boêmia da cidade, com boas opções de bares e restaurantes.

Valparaiso

É uma cidade portuária próxima a Santiago. Possui 45 cerros (morros), repletos de casas coloridas, oferecendo vistas ao Oceano Pacífico. Esta cidade é patrimônio cultural da humanidade. Possui elevadores que facilitam a subida em alguns dos morros.
Pode-se visitá-la contrantando um passeio nas agências ou por conta própria, de carro ou ônibus.

Viña del Mar

Vinã del Mar é próxima de Valparaiso, por isso você pode visitar as duas cidades em um só dia. É o principal destino de verão no litoral do Chile. É uma bela cidade, com boa infra-estrutura hoteleira e gastronômica. A cidade tem muitos jardins e um belo relógio de flores. Tem também um casino.


Estes são apenas alguns dos pontos que visitamos em Santiago e seus arredores. A cidade é muito bonita e oferece muitas opções do que fazer.

13 comentários:

  1. muito lindo perfeito

    ResponderExcluir
  2. JULIANO, SOU TECNOLOGA EM TURISMO, E VOU TE DIZER QUE ESSA SUA FORMA DE ESCREVER FAZ COM QUE O LEITOR ENTRE NA VIAGEM JUNTO CONTIGO. SAIBA QUE ME AJUDOU E MUITO COM TANTA INFORMAÇÃO HOJE SABEREI VENDER SANTIGAO COMO SE JA TIVESSE IDO, E VOU TER QUE IR PARA PODER SENTIR TODAS AS EMOÇOES PASSADAS PO VOCE AQUI NO TEXTO...

    ResponderExcluir
  3. Juliano, estou indo para Santiago em breve e foi ótimo ver tantas dicas interessantes e lugares fantasticos... com certeza irei visitar todos

    ResponderExcluir
  4. Boa tarde, gostaria de saber se em Las Condes tenho fácil acesso a estações de metro, e se realmente Concha y Toro e Viña del mar são tão distantes de Santiago qto estou vendo nos mapas do google, ou se estou procurando errado...
    Att
    Carolina

    ResponderExcluir
  5. Boa tarde, amei o roteiro da viagem!!
    Então vou alugar um carro, da para ir de carro ao Valle Nevado, estarei indo semana que vem,tem estacionamento sabe o preço quero ir também a El Colorado fica próximo!!!!Soube que as vans fazem cada manobra....
    Att
    Lúbia
    email lulu_fontes@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  6. ...estou indo para o Chile em janeiro/12...vou fazer mochilão sozinha ....tem alguém que está indo para lá? sou de Curitiba vou dia 19. ELIs

    ResponderExcluir
  7. Elis, meu nome é Bruna e também vou sozinha... acho que vou dia 20/01/12... nunca fui, vou sem rumo! rs Sou de SP!

    ResponderExcluir
  8. Olá Juliano, pretendo ir a Santiago em agosto. Vc foi nessa época também né? Faz muito frio?

    ResponderExcluir
  9. Ola gostaria de saber se o nosso dinheiro e bem aceito por la, ou se preciso comprar dolares, e se for comprar seria melhor comprar no brasil ou la no chile, viajo dia 1 de abril,vou em excursao,alguem pode me dar uma luz/agradeceria muito

    ResponderExcluir
  10. ola boa tarde me chamo cleo,vou para o chile dia 31 de março,gostaria de saber se nossa moeda la e bem aceita ou tenho que levar dolar.E se nesta epoca e muito frio

    ResponderExcluir
  11. Faz frio sim, mas nada que um bom casaco não resolva...

    ResponderExcluir
  12. Você poderá trocar o Real por Peso Chileno nas casas de câmbio.

    ResponderExcluir
  13. Olá gostaria de indicação de hotel vc sabe me dizer o nome do seu hotel????

    ResponderExcluir